Concurso de Resenhas - Chrysthie Audie

1 de out de 2012
O Ladrão de Raios - Rick Riordan
Editora Intrínseca
ISBN: 9788598078878
Ano: 2010
Páginas: 254
Página do livro no skoob

Primeiro volume da saga Percy Jackson e os olimpianos, O ladrão de raios esteve entre os primeiros lugares na lista das séries mais vendidas do The New York Times. O autor conjuga lendas da mitologia grega com aventuras no século XXI. Nelas, os deuses do Olimpo continuam vivos, ainda se apaixonam por mortais e geram filhos metade deuses, metade humanos, como os heróis da Grécia antiga. Marcados pelo destino, eles dificilmente passam da adolescência. Poucos conseguem descobrir sua identidade.
O garoto-problema Percy Jackson é um deles. Tem experiências estranhas em que deuses e monstros mitológicos parecem saltar das páginas dos livros direto para a sua vida. Pior que isso: algumas dessas criaturas estão bastante irritadas. Um artefato precioso foi roubado do Monte Olimpo e Percy é o principal suspeito. Para restaurar a paz, ele e seus amigos - jovens heróis modernos - terão de fazer mais do que capturar o verdadeiro ladrão: precisam elucidar uma traição mais ameaçadora que a fúria dos deuses.

Resenha por Chrysthie Audi:
Bom, vou começar falando sobre a capa, da qual gostei bastante, tem bastante coisa relacionada aos acontecimentos do livro, porém sem entregar nada. Adoro capas "desenhadas", além de rústicas, passam apenas uma ideia geral de como é a personagem, por exemplo, sem te obrigar a ter uma imagem pre-existente.

Os capítulo não são curtos, mas são fáceis e rápidos de ler pois você quer saber o que acontece em seguida e assim vai durante todo o livro.

Vamos à história então:
"Olhe, eu não queria ser um meio-sangue. Se você está lendo isso porque acha que pode ser um, meu conselho é o seguinte: feche este livro agora mesmo. Acredite em qualquer mentira que sua mãe ou seu pai lhe contou sobre seu nascimento, e tente levar uma vida normal."

Percy é um garoto de apenas 12 que estuda em um internato particular para crianças problemáticas de Nova York. Se ele achava que mudar de escola para escola era ruim, mal sabia ele que as coisas só iriam piorar dali para frente.

Sua vida começou a mudar quando a escola resolveu levar seus alunos para um passeio no museu de arte metropolitana em Manhattan, NY.

Percy estava determinado a ser bonzinho nesta viagem. Ele e Grover, seu melhor amigo tinham que aguentar Nancy Bobofit provocando e arremessando comida em suas cabeças a viagem toda. Mas eu repito, ele estava determinado a ser bonzinho!

Percy era dislexico e a única matéria que mantinha seu interesse era Mitologia, ensinada pelo professor Brunner. Ele estava muito animado até o momento em que fora do museu, Nancy veio na direção dele e de Grover e deixou metade de seu lanche já comido cair no colo de Grover. Num momento Percy estava sentado e no outro Nancy estava dentro do chafariz, toda molhada e gritando. Foi neste momento que Percy escutou a chata da professora Sra Dodds chamando-o para a detenção, dentro do museu.

Foi mais um dos momentos estranhos, a Sra Dodds, a professora de matemática, de repente começou a se transformar, criou asas e garras e partiu para cima dele. O Sr. Brunner que no momento anterior estava a km de distância, num piscar de olhos estava na porta da galeria lhe lançando uma caneta pelo ar. Aquela inocente caneta, quando alcançou as mãos de Percy se transformou em uma espada, espada que percy desferiu um golpe na Sra Dodds, atravessando-a e transformando-a em areia. Depois disso, Percy estava novamente sozinho na galeria, com uma caneta na mão.

A partir daí, as coisas estranhas e bizarras viraram um hábito. Na volta para casa, de férias, Percy e Grover avistam 3 velhas cortando um fio. Grover fica desesperado ao perceber que Percy conseguira enxergá-las, mas não lhe explica a razão. Isso irrita Percy que despista Grover e vai para casa sozinho.

Percy chega em casa e lá encontra seu padrasto Gabe, "Gabe o cheiroso" como o chama devido a seu fedor. Percy nunca se deu bem com ele e não entendia o fato de sua mãe aturar tantos maus tratos. Percy e sua mãe pretendiam fazer uma viagem para Mountalk, porém Grover aparece e ao perceber que ele e sua mãe já se conheciam, exige explicações sobre os estranhos acontecimentos e acaba descobrindo que Grover é um sátiro e que seu pai é um Deus.

Diante dos acontecimentos e amedrontada, a mãe de Percy resolve levá-lo ao único lugar que ele estaria a salvo, o Acampamento Meio-Sangue, que se destina a semideuses. No caminho, eles são atacados pelo Minotauro que mata a mãe de Percy e deixa Grover desacordado. Com raiva, Percy mata o Minotauro, demonstra suas habilidades inconscientes e tira-lhe seu chifre.

Chegando no Acampamento, Percy reconhece seu professor de Mitologia, que na verdade é um centauro e faz amizade com Annabeth. No Acampamento, existem 12 chalés, 1 para cada Deus e seus descendentes. Pouco tempo após a chegada de Percy ao Acampamento, Poseidon reconhece-o como filho e imediatamente manda chamá-lo, outorgando-lhe uma importante missão.

O raio de Zeus fora roubado e Percy acusado. Para provar sua inocência, Zeus concede-lhe 10 dias para resgatar e devolvê-lo, impedindo assim uma guerra no Olimpo.

A Aventura de Percy começa e é nesta missão que ele conhece os mais diversos mitos e Deuses Gregos, conseguindo cumprir sua missão a tempo e fazendo nosso coração palpitar com a descoberta do ladrão e seu motivo, além de abrir as portas para um mistério que será trabalhado nos próximos livros.

Eu simplesmente amei o livro! Ele não tem qualquer semelhança com Harry Potter, por mais que muitos indaguem... a questão da literatura fantástica acaba trazendo isso e generalizando as demais obras que são estereotipadas indevidamente.

Eu aprendi muito com o livro, de uma forma inesquecível e estou louca para ler a continuação, que já tenho, mas resolvi intercalar com outros tipos e acabei por me distanciar tempo demais de Percy.

Não existe qualquer razão para que um ser humano não leia este livro. Além de divertido ele é instrutivo, deveria ainda fazer parte da literatura obrigatória do Ensino Fundamental, pela quantidade de informação útil que traz.

Recomendadíssimo!!!

Um comentário:

  1. Eu li e gostei, achei 1000 vezes melhor q o filme, porém gosto mais de romance policial \o

    ResponderExcluir

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

TERROR

Jantar Secreto - Raphael Montes
Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de...
Jogos Macabros - R. L. Stine
Conhecido mundialmente por seus livros de terror e suspense, com centenas de milhões de exemplares vendidos, R. L. Stine desponta no cenário da ficção juvenil pela genialidade na criação de enredos sinistros...
Psicose - Robert Bloch
O clássico de Robert Bloch, foi publicado originalmente em 1959, livremente inspirado no caso do assassino de Wisconsin, Ed Gein. O livro teve dois lançamentos no Brasil, em 1959 e 1964...
Nosferatu - Joe Hill
Victoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...
O Vale dos Mortos - Rodrigo De Oliveira
Com passagens por Brasília, Estados Unidos, China e França, O Vale dos Mortos baseia-se na profecia de que um planeta intruso ao sistema solar, ao raspar por nossa...

FANTASIA/ POLICIAL

LEIA MAIS

ESPECIAIS ♥

Juntando os Pedaços - Jennifer Niven
Jack tem prosopagnosia, uma doença que o impede de reconhecer o rosto das pessoas. Quando ele olha para alguém, vê os olhos, o nariz, a boca… mas não consegue juntar...
O Livro de Memórias - Lara Avery
Sammie sempre teve um plano: se formar no ensino médio como a melhor aluna da classe e sair da cidade pequena onde mora o mais rápido possível.E nada vai ficar em seu caminho — nem mesmo uma rara doença...
Simon vs. a agenda Homo Sapiens - Becky Albertalli
Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da...
Quando finalmente voltará a ser como nunca foi - Joachim Meyerhoff
Isso é normal? Crescer entre centenas de pessoas com deficiência física e mental, como o filho mais novo do diretor de um hospital...
Eu Te Darei o Sol - Jandy Nelson
Noah e Jude competem pela afeição dos pais, pela atenção do garoto que acabou de se mudar para o bairro e por uma vaga na melhor escola de arte da Califórnia...

POLICIAL

LEIA MAIS