[Resenha] Jogos Macabros - R. L. Stine

25 de ago de 2016
Jogos Macabros - R. L. Stine
ISBN-10: 8525060402
Ano: 2016
Páginas: 280
Editora: Globo Livros
Classificação: 
Página do livro no Skoob
Conhecido mundialmente por seus livros de terror e suspense, com centenas de milhões de exemplares vendidos, R. L. Stine desponta no cenário da ficção juvenil pela genialidade na criação de enredos sinistros. O“Stephen King da literatura juvenil” ficou famoso na década de 1990 com a aplaudida coleção Rua do Medo. Quase duas décadas depois do último volume, Stine atende aos pedidos dos leitores e lança o livro inédito Jogos macabros, publicado no Brasil pela Globo Alt.


Resenha:
Já li livros de terror que pareciam ser algo e no final das contas foram grandes decepções. Comecei Jogos Macabros com um pé atrás e terminei sua leitura pulando de tanto nervosismo. A obra de R.L. Stine é maravilhosa. Eu, que não perco um filme de terror no cinema e pensei já ter visto de tudo sobre reviravoltas em enredos aparentemente previsíveis, me vi surpreso com o tanto de informação que o autor jogou nessas páginas. E o melhor de tudo: sem se perder. Eu quero outro livro dele para já!

Rachel Martin foi convidada para uma festa de aniversário. Não uma qualquer, mas a festa do garoto mais popular e misterioso de toda a cidade. E quando digo misterioso estou falando no sentido mais obscuro da palavra. Brendan Fear carrega nas costas a fama de sua família. Uma família marcada por histórias de morte, vingança e dinheiro. Eles são tão ricos ao ponto de possuir uma ilha afastada da costa. E adivinhem? A festa vai acontecer exatamente nesse local. Por mais que sua melhor amiga a alerte, aconselhando Rachel a não comparecer ao evento, a garota está disposta a correr riscos. Sua vida pacata e tediosa precisa de reviravoltas. Novos ares. Estamos falando de uma noite apenas... O que pode acontecer em tão pouco tempo?

A resposta é: mais do que podemos imaginar. Para comemorar mais um ano de vida, Brendan preparou uma espécie de jogo. Um jogo macabro que vai sair de controle e acabar se tornando um pesadelo real. O jovem e seus amigos não são os únicos que desembarcaram na Ilha do Medo. E nem todos que estão presentes ali são desse mundo.

Então vamos aos pontos positivos de tudo isso: o time de personagens é muito bem construído. Cada um possui sua relevância na história e contribui bastante para a construção do clima de pavor. Tem o cara metido a engraçado, o casal apaixonado, os parentes distantes, enfim. É um elenco diversificado que funciona. Rachel e Brendan estão naquele estágio inicial de flertes e, a cada capítulo, as situações que se sucedem provam que aquele momento não é o mais feliz para eles estarem começando algo. Na verdade o leitor nem sabe se Brendan é confiável. É tudo muito suspeito e todos podem estar envolvidos com o sangue que escorre cada vez mais pela ilha.

Quando o jogo parece ter acabado o autor mostra o quão talentoso é com uma reviravolta de cair o queixo. Adoraria ver tudo que li no cinema. Se a capa de Jogos Macabros fosse menos juvenil a obra teria ganho as 5 patinhas na classificação aqui do OMD. Não vamos mais fingir que a parte gráfica dos livros que lemos não são importantes, né? Leitura mais que recomendada!

0 comentários:

Postar um comentário

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

Resenhas

Alien - Alan Dean Foster
A tripulação da nave Nostromo é despertada antes do tempo de seu sono criogênico. Misteriosos sinais vindos dos confins do espaço são recebidos pelo computador de bordo, e a equipe é acionada para...
Star Wars: Um Novo Amanhecer - John Jackson Miller
Desde os terríveis acontecimentos em STAR WARS - Episódio III: A vingança dos Sith, quando todos os Jedi foram perseguidos e condenados à morte, Kanan Jarrus tem...
Eu, Robô - Isaac Asimov
Eu, robô reúne os primeiros textos de Isaac Asimov sobre robôs, publicados entre 1940 e 1950. São nove contos que relatam a evolução dos autômatos através do tempo, e que contêm em suas páginas, pela...
Nosferatu - Joe Hill
ictoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...

RESENHAS MAIS ANTIGAS

LEIA MAIS

Resenhas

Só por Hoje e para Sempre - Renato Russo
Entre abril e maio de 1993, Renato Russo passou vinte e nove dias internado numa clínica de reabilitação para dependentes químicos no Rio de Janeiro. Durante...
Espinho de Prata - Raymond E. Feist
Durante quase um ano, a paz reinou nas terras encantadas de Midkemia. Porém, novos desafios aguardam Arutha, o Príncipe de Krondor, quando Jimmy, o mais jovem...
Roleta Russa - Jason Matthews
Desde pequena, o sonho de Dominika Egorova era fazer parte do Bolshoi, o balé mais importante da Rússia. Após ser vítima de uma sabotagem, porém, ela vê sua promissora carreira se encerrar de...
A Desconhecida - Peter Swanson
Uma história sombria, em uma atmosfera romântica e um quê de Hitchcock, sobre um homem que fora arrastado para uma trama irresistível de paixão e assassinato quando um antigo amor reaparece em uma noite de...

MAIS LIDAS

LEIA MAIS