[Resenha] Agência de Investigações Holísticas Dirk Gently - Douglas Adams

23 de nov de 2015
Agência de Investigações Holísticas Dirk Gently - Douglas Adams
ISBN-10: 8580413958
Ano: 2015
Páginas: 240
Idioma: português
Editora Arqueiro
Classificação: 
Página do livro no Skoob
Richard MacDuff é um engenheiro de computação perfeitamente normal que sempre se comportou muito bem, obrigado, até o dia em que deixa uma mensagem equivocada na secretária eletrônica de sua namorada, Susan Way. Arrependido, toma a decisão mais natural possível: escalar o prédio dela e invadir seu apartamento para roubar a fita com a gravação. Na vizinhança, Dirk Gently bisbilhota os arredores com seu binóculo quando presencia o ato tresloucado do antigo colega de faculdade e decide entrar em contato para lhe oferecer seus serviços investigativos. Depois de uma série de acontecimentos bizarros, o detetive percebe uma interconexão obscura entre a atitude estapafúrdia do amigo e o assassinato de Gordon Way – irmão de Susan e chefe de Richard, que passa a ser suspeito do crime. 
Resenha:
Em todos esses anos de blogueiro literário, leitor e consumidor de conteúdo relacionado à temática, nunca havia me deparado com um autor tão característico. É possível ler trechos avulsos da obra de Douglas Adams e saber instantaneamente que é algo escrito por ele. Não me recordo de ler mais ninguém tão original assim. Agência de Investigações Holísticas Dirk Gently é tão absurdo quanto O Mochileiro das Galáxias. E enquanto uma história se passa no espaço, outra tem o chão firme como cenário. Como foi lê-lo em algo tão diferente? Bem, o desfecho revela que na verdade Adams não estava tão longe de tudo que está acostumado.

Todas as tramas se desenvolvem tão paralelamente ao ponto de apenas depois da página 100 alguma coisa se entrelaçar de verdade. É bem desesperador assimilar tanta informação vinda de tantas histórias diferentes quando tudo parece não fazer sentido algum.

Richard McDuff resolveu invadir o apartamento da namorada para apagar uma mensagem que deixou em sua secretária eletrônica. Uma mensagem que talvez prove que ele seja o culpado pelo assassinato de seu chefe, o grande Gordon Way, ou que apenas o envergonhe mesmo. Gordon Way estava o pressionando para finalizar um projeto e, definitivamente, o chefão não estava pronto para morrer. E mais, não estava pronto para se transformar em um fantasma e vagar pelo mundo atravessando paredes e questionando-se ainda mais sobre a existência humana.

Dirk Gently presenciou a invasão de Richard ao apartamento e, claro, ofereceu seus serviços como investigador. A promessa é a de safá-lo disso tudo, mas o próprio Richard tem sérias dúvidas do poder de síntese de Gently. Aparentemente ele demitiu a sua secretária, mas a moça esforça-se para ser notada. Como demitir alguém que se mantém presente diariamente com o intuito de provar que foi demitida e não está ali?

Entre capítulos que narram problemas como "um sofá está no meio da minha escada" e "uma égua apareceu no meu banheiro", um monge eletrônico acredita que o mundo é rosa e vaga por ele atrás de algo. Viagens no tempo são a cereja do bolo.

Outros personagens e situações mais inusitadas que as citadas acima transformam o romance policial de Adams em uma ficção científica das boas: repleta de absurdos. A forma como tudo se encaixa e é explicado nos capítulos finais faz você perceber o quão poderosas podem ser as palavras. Admito que não gostei tanto da leitura, mas não posso negar a genialidade na construção da narrativa. Me vi cansado em alguns trechos e até pulei diálogos que não levaram a nada, creio eu. Quem leu O Mochileiro das Galáxias vai entender melhor, se situar mais fácil, porém é mesmo diferente. Não tem pra onde correr, é mais uma experiência única que Adams nos proporciona.

0 comentários:

Postar um comentário

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

Resenhas

Alien - Alan Dean Foster
A tripulação da nave Nostromo é despertada antes do tempo de seu sono criogênico. Misteriosos sinais vindos dos confins do espaço são recebidos pelo computador de bordo, e a equipe é acionada para...
Star Wars: Um Novo Amanhecer - John Jackson Miller
Desde os terríveis acontecimentos em STAR WARS - Episódio III: A vingança dos Sith, quando todos os Jedi foram perseguidos e condenados à morte, Kanan Jarrus tem...
Eu, Robô - Isaac Asimov
Eu, robô reúne os primeiros textos de Isaac Asimov sobre robôs, publicados entre 1940 e 1950. São nove contos que relatam a evolução dos autômatos através do tempo, e que contêm em suas páginas, pela...
Nosferatu - Joe Hill
ictoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...

RESENHAS MAIS LIDAS

LEIA MAIS

Resenhas

Só por Hoje e para Sempre - Renato Russo
Entre abril e maio de 1993, Renato Russo passou vinte e nove dias internado numa clínica de reabilitação para dependentes químicos no Rio de Janeiro. Durante...
Espinho de Prata - Raymond E. Feist
Durante quase um ano, a paz reinou nas terras encantadas de Midkemia. Porém, novos desafios aguardam Arutha, o Príncipe de Krondor, quando Jimmy, o mais jovem...
Roleta Russa - Jason Matthews
Desde pequena, o sonho de Dominika Egorova era fazer parte do Bolshoi, o balé mais importante da Rússia. Após ser vítima de uma sabotagem, porém, ela vê sua promissora carreira se encerrar de...
A Desconhecida - Peter Swanson
Uma história sombria, em uma atmosfera romântica e um quê de Hitchcock, sobre um homem que fora arrastado para uma trama irresistível de paixão e assassinato quando um antigo amor reaparece em uma noite de...

MAIS LIDAS

LEIA MAIS