[Resenha] Alma? - Gail Carriger

28 de jun de 2013
Alma? - Gail Carriger
Editora: Valentina
ISBN: 9788565859042
Ano: 2013
Páginas: 308
Classificação: 
Página do livro no Skoob

Alexia Tarabotti enfrenta uma série de atribulações sociais, quiproquós e saias justas (embora compridíssimas) em plena sociedade vitoriana. Em primeiro lugar, ela não tem alma. Em segundo, é solteirona e filha de italiano. Em terceiro, acaba sendo atacada sem a menor educação por um vampiro, o que foge a todas as regras de etiqueta.
E agora? Pelo visto, tudo vai de mal a pior, pois a srta. Tarabotti mata sem querer o vampiro ― ocasião em que a Rainha Vitória envia o assustador Lorde Maccon (temperamental, bagunceiro, lindo de morrer e lobisomem) para investigar o ocorrido.
Com vampiros inesperados aparecendo e os esperados desaparecendo, todos parecem achar que a srta. Tarabotti é a responsável. Será que ela conseguirá descobrir o que realmente está acontecendo na alta sociedade londrina? Será que seu dom de sem alma para anular poderes sobrenaturais acabará se revelando útil ou apenas constrangedor? No fim das contas, quem é o verdadeiro inimigo, e... será que vai ter torta de melado?
Resenha: 
Entre tantas estórias saturadas de clichês envolvendo vampiros e lobisomens, Gail Carriger escreveu um steampunk fascinante, divertido e original, as páginas passaram tão rapidamente que nem a leitura cheia de protocolos de época tornaram-na cansativa, pelo contrário foi enriquecedora e fascinante. Na antiga Londres do século XIX, a sociedade convivia em certa "harmonia" com os seres sobrenaturais, muitos deles até mantinham cargos importantes. Nossa protagonista é uma solteirona de boa estirpe, uma dama de personalidade forte e ousada, aos 26 anos Alexia Tarabotti já se considera encalhada de carteirinha, sua beleza que foge dos padrões sempre foi motivo de comentários de sua adorável mãe: "sua pele é morena demais", "seu nariz é um pouco avantajado", "sua personalidade afasta os cavalheiros", "você não tem modos". Bem, a família Loontwill não é das mais simpáticas, na verdade sua mãe e irmãs são bem fúteis e cheias de frescuras. Toda a família da Sra. Tarabotti acreditava que tudo que não estivesse na coluna de fofocas não merecia ser lido. Esses momentos em família me proporcionaram várias risadas, Alexia não faz o tipo que escuta calada.

Alexia esconde um segredo que não é bem tão secreto assim, ela é uma preternatural, traduzindo, ela não tem alma o que a possibilita neutralizar efeitos sobrenaturais, vampiros e lobisomens tem seus poderes sugados, reduzidos a nada ao simples toque da Sra. Tarabotti. Diferente, não acham? A sociedade vitoriana era dividida em Colmeias de vampiros e Alcateias de lobos, cada uma com sua organização e regras de etiqueta, uma coisa era certa, todos os sobrenaturais sabiam da existência de uma sugadora de almas em Londres.  Aliás, ter uma quantidade razoável de alma era indispensável para um ser humano se tornar imortal, poucos resistiam a metamorfose. Quando um vampiro recém transformado e totalmente por fora das regras vampirescas ataca a nossa protagonista que acaba o matando com sua sombrinha, uma série de atribulações sociais invadem sua vida. Uma tentativa de sequestro e um homem sinistro do rosto cera passa a persegui-la. É, os problemas estão só começando... Estariam as abelhas-rainhas das colmeais transformando humanos sem o conhecimento do Departamento de Arquivos Sobrenaturais? Lobos solitários e Vampiros errantes andam sumindo...

Falei tanto e ainda não comentei o mais legal de todo o livro, o romance entre Alexia Tarabotti e Lorde Maccon o Alfa da alcateia de lobisomens da região. Do início ao fim eles vão bater de frente, sabe aquele casal que a gente ama acompanhar? Alexia é impossível e Maccon terá que saber lidar com uma fêmea de temperamento forte. Eles se verão perdidos a tantos costumes diferentes. Quem deve dar o primeiro passo? E depois? A tensão sexual presente entre eles deixa tudo mais quente. Uma preternatural e um grandalhão que se transforma em besta feroz uma vez por mês. Será que dá certo? Alguém vai ter que rastejar...

Não houve um personagem que não fosse cativante, do mordomo prestativo Floote ao Lorde Akeldama, o vampiro espalhafatoso porém culto, ávido por informações e moda como razões de viver. Ivy Hisselpenny com seus chapéus extravagantes até para a época, e melhor amiga de Alexia, é amável e recatada até demais. Gail nos proporcionou uma aventura rica em detalhes, me senti de fato em uma viagem a Londres de séculos atrás, todos os hábitos retratados tão bem, em uma escrita tão dedicada. O protetorado da sombrinha ganhou mais um fã, que venham os outros volumes da série! A Editora Valentina está de parabéns pela revisão e diagramação. É muito amor, pessoal, mais um livro favorito de 2013! Recomendo a leitura, vai me dizer que você não ficou curioso pra saber o que está abalando a relativa paz da cidade?

31 comentários:

  1. Ahh, adorei a resenha, me deu mais vontade ainda de ler, parece ser um livro bem gostoso e divertido... Os personagens parecem ser bons, gostei de como falou da Alexia e do romance kkk

    ResponderExcluir
  2. Ouvi falar que o livro é bom mesmo! A primeira impressão que tive era de um romance meloso, mas pelo que vejo não é bem assim! Gostaria de ler!

    ResponderExcluir
  3. Faz um bom tempo que quero ler Alma. Eu curti a sinopse, a capa e até hoje não li nenhuma resenha que seja negativa. Com certeza, a história tem tudo para me agradar!
    Parabéns pela resenha!
    Beijos
    http://www.coisasdemeninasarteiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Gostei da sinopse desse livro, e dps de ler a resenha fiquei mais animada!

    ResponderExcluir
  5. Agora eu fiquei com vontade de ler hahaha, quando der coragem irei lá na promoção.
    Encalhada aos 26 haha ,lembro da Bridget Jones .-.

    sonholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Haha, que bom conhecer mais uma pessoa que se apaixonou pela Alexia *-* Esse livro e simplesmente encantador. Assim como a protagonista, o livro foge à regra, trazendo um mundo criativo e de modo inovador.
    Estou morrendo de vontade de ler logo os próximos volumes pra morrer de rir com Alexia, Lord Macon e também as irmãs fúteis da nossa preternatural! :)

    Elder Koldney
    http://minhasalaprecisa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Tem muuuuuuuuuuito tempo que quero ler este livro, estou até participando da promoção com Dedos cruzados e ansioso, querro mt mt mt mesmo. Adoro a Gail, ela é super foda. Gostei bastante da ideia de varios seres bem diferentes nessa historia, o departamento, o contexto, nossa, tudo é bem legal!

    ResponderExcluir
  8. Nunca li nada do estilo steampunk e só vejo comentários positivos sobre este livro, tudo me faz querer lê-lo sempre mais. E adoro seres sobrenaturais, de 5 livros que leio, pelo menos dois tem algo sobrenatural.
    E ainda pra melhorar, Londres e vampiros? Espero que eu ganhe a promoção. Este livro foi feito pra mim, ok? rsrs

    ResponderExcluir
  9. A única coisa que não gostei nesse livro foi o final do título: uma história sobre...sombrinhas? Tudo bem, estão em Londres e a sombrinha vira a arma mas, achei desnecessário para o título.Quanto ao restante, de todas as resenhas que li são muito positivas, inclusive a sua e como você disse não cai naquele clichê da mesma história de vampiros e lobisomens. Bem espero ganhar esse livro para lê-lo logo.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  10. ouvir falar que esse livro é muito bom :3

    ResponderExcluir
  11. Já queria ler Alma a algum tempo e sua resenha instigou ainda mais a minha curiosidade! Sou apaixonada por livros que falam sobre algo sobrenatural! E o fato de a história fugir dos padrões com relação a vampiros e lobisomens é o que me incentivou, um pouco, a ler o livro pois, acredito que esse é um tema bem legal de se abordar sendo bastante interessante se tirado dos clichês, entretanto certos livros que eu já li sobre o tema não saem da mesma estrutura de sempre... enfim, estou realmente muito afim de ler o livro, e parabéns pela resenha, adorei (:

    ResponderExcluir
  12. Já tinha lido a sinopse dele e já tinha gostado,mas depois da sua resenha, fiquei mais interessada. Acho muito legal livros que falem de vampiros e lobisomens de forma diferente, sem aquele clichê.
    Fiquei louca pra ler este livro!!!

    ResponderExcluir
  13. Eu ouvir falar de sociedade vitoriana? Só por isso o livro já me ganhou, adoro livros que se passam na época vitoriana...
    Mas quero ler Alma por várias coisas como por exemplo: Como assim ela não tem alma?
    Estou muito interessada neste livro...

    ResponderExcluir
  14. A capa do livro é simplesmente perfeita, a história deve ser maravilhosa de ler. O gênero nunca li e quando lançou fiquei maravilhada. Deve ser um ótimo livro. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  15. Perfeitinho esse livro! Nossa, é muito bom *-*
    Toda essa mistura de sobrenatural com um época diferente? Juntou tudo que amo ver em um livro, adorei *-*

    ResponderExcluir
  16. Gostei, vou ler esse livro logo! \0

    ResponderExcluir
  17. Muito boa a resenha, fiquei muito curiosa pra ler, parece ser um livro muito gostoso de ler, embora se passe em outra época.

    ResponderExcluir
  18. Fiquei curiosa quanto a esse livro, pelo fato de ela sugar poderes e tal, tipo a Vampira em X-man, e também por ela ser "uma dama de personalidade forte e ousada" e por "sua pele é morena demais" e "seu nariz é um pouco avantajado", porque sempre as protagonistas são branquelas azedas e sem sal.
    Quero ler esse livro já faz um tempinho, mas a grana tá curta! kkk...
    Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  19. Eu ganhei esse livro mas ainda nao li. Nunca li nenhum steampunk entao nao sei muito o que esperar. Mas, pelo o que voce contou, o enredo eh bem criativo e diferente de tudo o que existe por ai. E a Valentina continua com um cuidado extremo na producao dos livros. Adorei!

    ResponderExcluir
  20. Eu ganhei esse livro mas ainda nao li. Nunca li nenhum steampunk entao nao sei muito o que esperar. Mas, pelo o que voce contou, o enredo eh bem criativo e diferente de tudo o que existe por ai. E a Valentina continua com um cuidado extremo na producao dos livros. Adorei!

    ResponderExcluir
  21. Eu ganhei esse livro mas ainda nao li. Nunca li nenhum steampunk entao nao sei muito o que esperar. Mas, pelo o que voce contou, o enredo eh bem criativo e diferente de tudo o que existe por ai. E a Valentina continua com um cuidado extremo na producao dos livros. Adorei!

    ResponderExcluir
  22. Preternatural! que diferente! adorei haha eu também amei o fato de se passar em Londres ^^ isso é muito legal

    ResponderExcluir
  23. Adoro este tipo de livro, as misturas do real com fantasia, do sério com o duvidoso, vampiros. Fiquei curiosa em ler este livro. Obrigada pela resenha.

    ResponderExcluir
  24. Acho que este livro tem um pouco de tudo: Sobrenatural, suspense, ficção cientifica e ainda assim não perde o mote central da narrativa. Adorei!!!

    ResponderExcluir
  25. A capa desse livro é linda. Quase comprei na Bienal, mas desisti no final. Fico feliz por você ter dado 5 estrelas.
    Bjss

    ResponderExcluir
  26. Cada resenha que leio me arrependo de não ter seguido com a leitura... infelizmente não consegui me adaptar ao estilo, embora tivesse interesse em conhecer... Puxa, ganhei o livro e acabei trocando, não consegui relaxar com lobisomens e vampiros, rsrs, apesar da protagonista divertida. Larguei. Troquei.

    ResponderExcluir
  27. az séculos que tenho vontade de ler esse livro. Só escuto falar bem dele e a cada resenha que leio a vontade aumenta. Acho tão interessante essa mistureba que a autora faz, de gêneros e de temáticas e fico curiosa pensando se vou gostar ou não.

    ResponderExcluir
  28. Tenho esse livro mas ainda não li, como faz parte de uma série estou esperando sair pelo menos mais uma parte pra não ficar com tanta vontade de de ler a continuação.Acho que vou gostar muito da história, gosto de premissas assim.Estou gostando muito dos livros da Valentina.

    ResponderExcluir
  29. Oi
    Ainda não li esse livro, mas já li várias resenhas positivas sobre ele, o que me fez ficar ainda mais interessada na história e achei a capa é super bonita, me conquistou logo de cara :)
    Adorei a sua resenha, ficou bem explicada e me deixou empolgada para saber mais sobre trama.
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  30. Até hoje, só tenho lido resenhas positivas em relação a esse livro. Gosto bastante de livros desse gênero (mesmo não sabendo que era chamado de Steampunk). Não tem como não se interessar por uma história em que todas as personagens são interessantes, e tem uma protagonista "louca" como a Alexia. Estou bastante curioso pra ler.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  31. Gostei da resenha, o livro trás um dos meus temas favoritos,esse mundo de vampiros, lobisomens e ainda mais a personagem principal parasse ser muito boa mesmo, me chamou bastante a atenção.

    ResponderExcluir

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

Resenhas

Alien - Alan Dean Foster
A tripulação da nave Nostromo é despertada antes do tempo de seu sono criogênico. Misteriosos sinais vindos dos confins do espaço são recebidos pelo computador de bordo, e a equipe é acionada para...
Star Wars: Um Novo Amanhecer - John Jackson Miller
Desde os terríveis acontecimentos em STAR WARS - Episódio III: A vingança dos Sith, quando todos os Jedi foram perseguidos e condenados à morte, Kanan Jarrus tem...
Eu, Robô - Isaac Asimov
Eu, robô reúne os primeiros textos de Isaac Asimov sobre robôs, publicados entre 1940 e 1950. São nove contos que relatam a evolução dos autômatos através do tempo, e que contêm em suas páginas, pela...
Nosferatu - Joe Hill
ictoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...

RESENHAS MAIS ANTIGAS

LEIA MAIS

Resenhas

Só por Hoje e para Sempre - Renato Russo
Entre abril e maio de 1993, Renato Russo passou vinte e nove dias internado numa clínica de reabilitação para dependentes químicos no Rio de Janeiro. Durante...
Espinho de Prata - Raymond E. Feist
Durante quase um ano, a paz reinou nas terras encantadas de Midkemia. Porém, novos desafios aguardam Arutha, o Príncipe de Krondor, quando Jimmy, o mais jovem...
Roleta Russa - Jason Matthews
Desde pequena, o sonho de Dominika Egorova era fazer parte do Bolshoi, o balé mais importante da Rússia. Após ser vítima de uma sabotagem, porém, ela vê sua promissora carreira se encerrar de...
A Desconhecida - Peter Swanson
Uma história sombria, em uma atmosfera romântica e um quê de Hitchcock, sobre um homem que fora arrastado para uma trama irresistível de paixão e assassinato quando um antigo amor reaparece em uma noite de...

MAIS LIDAS

LEIA MAIS