[Resenha] O portal - Eliane Raye

22 de dez de 2011
O Portal - Eliane Raye
Editora Usina de Letras
ISBN: 9788562851919
Ano: 2010
Páginas: 202
Página do livro no skoob
Classificação: 
"Os sinais escondem um mistério que poderá mudar o rumo da história." Elizabeth Macwood foi criada em Nova York. Filha de um grande empresário americano, Robert Macwood, decide acompanhá-lo em seu novo compromisso no Brasil. Após uma noite agitada, Elisabeth acorda com três sinais desconhecidos rasgados em suas costas e uma súbita amnésia que a faz se esquecer dos acontecimentos que geraram as marcas. Em uma busca incessante para desvendar o motivo dos sinais, Elizabeth se vê envolvida em histórias inacreditáveis, verdades, mentiras, símbolos, viagens no tempo, medos, supresas e paixões inesperadas. Ambientado nas cidades de Nova York e Rio de Janeiro, O Portal apresenta um enredo de enigmas, no qual a autora Eliane Raye nos conduz em suspense até o último momento, em reviravoltas inusitadas. Um romance com personagens marcantes em que todos apostam a própria vida para descobrir a verdade.
Resenha:
Eu não consigo classificar “O portal” em um único gênero literário,me desculpem.

Quando vi a capa e sinopse,pensei que fosse ficção,algo bem fantasioso,etc.Quando comecei a ler tive a impressão de estar lendo um leve suspense policial,em outras partes do livro me pareceu um romance.E pelo final do livro,que me fez derramar muitas lágrimas,eu tirei a conclusão que não posso classifica-lo.Vocês tem que ler e descobrir o quanto “O portal” é incrível.

O livro é dividido assim: em um capítulo acompanhamos a vida de Lizzie desde pequena quando decidiu que cresceria na vida.Já em outro acompanhamos as vidas de Richard e Rachel,que mais tarde se casariam e teriam uma filha,Lizzie.Em outro já acompanhamos o despertar do amor entre Lizzie e Steve.

A estória do livro é a seguinte,após sair para jantar com Marcello um italiano misterioso que está deixando-a louca e cada vez mais a conquistando,marcas estranhas aparecem nas costas de Lizzie,o problema é que ela não se lembra de como conseguiu aqueles símbolos fenícios enormes cravados em seu corpo. Apartir disso uma sucessão de acontecimentos levam Lizzie a descobrir que tudo aquilo representa um grande perigo,não só para ela,mas para todos que a ajudam a desvendar esse mistério.
Steve seu namorado,ou seria ex-namorado?,estaria preso em um portal que somente Lizzie conseguiria abrir.

Papéis importantes são enviados a Lizzie,papéis que levariam a localização do portal.Portal esse procurado por pessoas importantes e perigosas que se descoberto causaria grandes problemas. No meio dessa busca Lizzie contará com a ajuda de Flávia e Leonardo,amigos de faculdade,que ajudarão a encontrar Steve seu grande amor.Não diria que Leonardo queira apenas a amizade de Lizzie,se é que me entendem.Os dois desenvolvem uma preocupação recíproca muito grande,e Leo vai salvar Lizzie de muitos perigos.
Mas Steve amaria mesmo Lizzie? Por que a faria sofrer tanto,correndo tanto perigo?

Querem saber porquê eu chorei no final? Não vou contar,HAHAHA
Acho provável que ninguém chore,mas eu chorei.Fiquei triste quando percebi que o final seria diferente do que eu torcia para ser,mas quando menos esperei,acabou tudo do jeito que esperava e chorei tanto :’) Não me julguem,achei muito lindo mesmo. Em fim,Eliane Raye me conquistou com “O portal”.Um abraço pra ela por ter me enviado um exemplar,obrigado! E vocês curiosos com o livro?

Um comentário:

  1. Oh God, Oh God! Para tudo, me interessei de mais pela obra!

    ResponderExcluir

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

Resenhas

Alien - Alan Dean Foster
A tripulação da nave Nostromo é despertada antes do tempo de seu sono criogênico. Misteriosos sinais vindos dos confins do espaço são recebidos pelo computador de bordo, e a equipe é acionada para...
Star Wars: Um Novo Amanhecer - John Jackson Miller
Desde os terríveis acontecimentos em STAR WARS - Episódio III: A vingança dos Sith, quando todos os Jedi foram perseguidos e condenados à morte, Kanan Jarrus tem...
Eu, Robô - Isaac Asimov
Eu, robô reúne os primeiros textos de Isaac Asimov sobre robôs, publicados entre 1940 e 1950. São nove contos que relatam a evolução dos autômatos através do tempo, e que contêm em suas páginas, pela...
Nosferatu - Joe Hill
ictoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...

RESENHAS MAIS ANTIGAS

LEIA MAIS

Resenhas

Só por Hoje e para Sempre - Renato Russo
Entre abril e maio de 1993, Renato Russo passou vinte e nove dias internado numa clínica de reabilitação para dependentes químicos no Rio de Janeiro. Durante...
Espinho de Prata - Raymond E. Feist
Durante quase um ano, a paz reinou nas terras encantadas de Midkemia. Porém, novos desafios aguardam Arutha, o Príncipe de Krondor, quando Jimmy, o mais jovem...
Roleta Russa - Jason Matthews
Desde pequena, o sonho de Dominika Egorova era fazer parte do Bolshoi, o balé mais importante da Rússia. Após ser vítima de uma sabotagem, porém, ela vê sua promissora carreira se encerrar de...
A Desconhecida - Peter Swanson
Uma história sombria, em uma atmosfera romântica e um quê de Hitchcock, sobre um homem que fora arrastado para uma trama irresistível de paixão e assassinato quando um antigo amor reaparece em uma noite de...

MAIS LIDAS

LEIA MAIS